Mundo Ela

Grandes Mulheres Brasileiras – Anita Garibaldi

  • por em 9 de março de 2021
Anita Garibaldi

Nesse mês das mulheres vamos postar a historia de grandes inspirações brasileiras para nos motivar nos dias atuais. Hoje vamos falar de Anita Garibaldi e Princesa Isabel.

Anita Garibaldi (1821-1849) – Líder militar

Anita Ribeiro de Jesus, conhecida como Anita Garibaldi, nasceu em Morrinhos, atual Laguna (SC). Casou-se aos 14 anos, mas abandonou o marido. Em 1839 conheceu Giuseppe Garibaldi, um italiano que fugia de uma sentença de morte na Itália.

Marinheiro mercante, os conhecimentos de Garibaldi foram fundamentais para os rebeldes gaúchos e catarinenses que estavam em guerra contra o governo imperial. Este episódio passou à história como Revolução Farroupilha ou Guerra dos Farrapos.

Anita Garibaldi se uniu a Giuseppe, com ele lutou pela implantação da república do Rio Grande e tiveram seu primeiro filho. Mais tarde, iriam para o Uruguai onde combateriam o ditador argentino Juan Manuel Rosas. Em Montevidéu, se casariam e nasceriam mais três filhos do casal.

Em 1847, Anita Garibaldi vai para Itália saber se o marido poderia retornar ao país e com isso, ambos se juntam, em 1848.

O casal lutaria pela unificação italiana, tentando expulsar os austríacos da região da Lombardia. Durante a campanha, porém, Anita adoece e vem a falecer.

Por sua participação em guerras nos dois continentes, Anita Garibaldi é chamada a “Heroína dos dois Mundos”

Princesa Isabel (1846-1921) – Princesa Imperial do Brasil

Princesa Isabel

A princesa Dona Isabel do Brasil foi a segunda filha do imperador Dom Pedro II e da imperatriz Dona Tereza Cristina. Após o falecimento dos seus irmãos foi declarada herdeira do trono brasileiro e aos 14 anos jura a Constituição imperial.

Casou-se em 1864 com o príncipe francês Gaston de Orleães, conde d’Eu e com ele teria três filhos.

A fim de prepará-la para suas futuras funções, Dom Pedro II a deixou como regente durante três vezes. Nessa ocasião, assinaria leis que visavam favorecer a abolição da escravatura no Brasil.

Em 1888, após intensa luta política, a princesa assina a Lei Áurea que acabaria com a o trabalho escravo no país.

No entanto, a elite agrária e o Exército brasileiro não perdoariam o gesto. Em 15 novembro de 1889, um golpe de Estado proclama a República e a família imperial brasileira é expulsa do Brasil e exilada na França.

A princesa Dona Isabel jamais voltaria viva ao Brasil tendo morrido na França.

Texto: https://www.todamateria.com.br/mulheres-que-fizeram-a-historia-do-brasil/

Leia também:

Grandes Mulheres Brasileiras – Índia Paraguaçu

Rute e Ester na Estrada das Escolhas

Reutilização criativa – já ouviu falar em Upcycling?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Inspiração
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments