Mundo Ela

Riscos da superproteção

Riscos da superproteção

Foto: Pixabay

Riscos da superproteção – ‘Nós criamos filhos para o mundo’! Essa expressão é muito usada por pais, mãe e/ou responsáveis, mas na prática, grande parte deles não consegue exercê-la da forma correta.

Pelo contrário. Com o intuito de protegê-los ou superprotegê-los dos ambientes externos e situações do dia a dia que possam causar algum tipo de desconforto, muitas vezes, podem adoecê-los e torná-los totalmente imaturos e dependentes em outras fases da vida.

A criança e adolescente têm de aprender com erros e acertos, devem ter experiências que testem suas habilidades e deficiências. Isso é fundamental para seu desenvolvimento e para que ele se torne um adulto mais confiante em si e menos vulnerável a frustrações.

Para se ter ideia, a superproteção pode gerar um transtorno chamado Transtorno de Personalidade Dependente – TPD, caracterizado por uma necessidade generalizada e excessiva de cuidados, que levam o indivíduo a comportamentos viciosos de submissão.

Comportamentos como a dificuldade em tomar decisões cotidianas sem aconselhamento e sem a aprovação de terceiros, em realizar atividades e tarefas por conta própria, a necessidade de que outros assumam suas responsabilidades em áreas importantes da vida, desconforto ao ficar sozinho, menosprezo com relação a suas habilidades, interação limitada apenas às pessoas das quais depende, além de se submeterem a situações desconfortáveis por entenderem que precisam passar por aquilo para obter suporte.

Adolescentes e pré-adolescentes com esse perfil devem ser encaminhados para a psiquiatria e terapia, com o intuito de tentarem sanar esse mal, afinal, há muito sofrimento por detrás dessas atitudes.

Pais, o cuidado é extremamente importante, mas em excesso, ele mais prejudica do que beneficia!

Por Dra Jaqueline Bifano
@dra.jaquelinebifano


Gostou? Então veja abaixo mais matérias da Dra Jaqueline pra o Mundo Ela:

Ansiedade na adolescência

O transtorno alimentar em adolescentes

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments