Mundo Ela

Turismo Responsável

Foto: Janaína Ribeiro ( Jana e Lu Travel Designers )

Turismo Responsável – Queremos sua sinceridade. Quando você escolhe um destino você se importa com o impacto que poderá causar nele?

Caso queira visitar mais vezes os lindos destinos do nosso planeta e permitir que os demais viajantes também o façam comece a refletir sobre sua maneira de viajar.Isso porque grandes roteiros podem simplesmente desaparecer ou serem temporariamente fechados caso a sociedade não mude suas atitudes.

Exemplo disso é que, no dia 01 de janeiro de 2022 , um destino relativamente conhecido por ter sido cenário do filme “A praia” tem previsão de ser reaberto após 4 anos tentando se recuperar das consequências negativas que os turistas deixaram.

O turismo local não se sustentou por muito tempo nas condições em que estava sendo praticado.

A Ilha de May Bay na Tailândia só conseguiu se reestabelecer de todos os efeitos negativos após o governo local impor uma série de restrições para que, agora, possa receber novas visitas.

Ou seja, agora mais do que nunca e após quase 2 anos de reflexões sobre nosso real papel dentro de uma comunidade começamos a repensar em nosso comportamento. E com o turismo não tem sido diferente. Inclusive conceitos antigos têm ressurgido em meio ao novo normal.

Um deles é a do Turismo Sustentável. Termo já conhecido por muitas pessoas pois muito já se falou sobre os efeitos que a indústria do Turismo pode causar em alguma região.

No entanto uma nova definição tem sido debatida; a de Turismo Responsável.

Os conceitos podem ser confundidos, mas na prática se complementam.

O Turismo Sustentável foi amplamente divulgado a partir da Eco-92 (Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento e de acordo com a OMT (Organização Mundial do Turismo) trata-se de uma atividade que “precisa levar em consideração seus impactos econômicos, sociais e ambientais atuais e futuros, atendendo às necessidades dos visitantes, da indústria, do meio ambiente e das comunidades anfitriãs.”

Após 10 anos, em 2002 ( em Cape Town, na África do Sul, durante a cúpula Mundial sobre desenvolvimento sustentável) foi criado o conceito de Turismo Responsável .

Na ocasião foi definido que, dentre outras características, “o Turismo Responsável é baseado em 3 pilares da sustentabilidade (econômico, ambiental e cultural) e assim se torna um caminho no qual a intenção é criar soluções mais práticas e a curto prazo que possam permitir o desenvolvimento específico de cada região .”

No entanto o que importa é que ambos são maneiras mais conscientes de viajar que buscam minimizar impactos negativos e gerar impactos positivos locais nos destinos que visitamos. E, claro, podem ser adaptados em qualquer tipo de turismo, seja na praia, na cidade e até nos parques temáticos.

Ou seja, o fato é que sua viagem não precisa ser 100% sustentável para que seja uma viagem responsável.

São pequenas atitudes como fazer walking tour (turismo feito pela cidade caminhando) ou fazer refeições dando preferência para restaurantes de moradores locais ao invés de grandes redes de restaurantes, que irão fazer com que você contribua e respeite a população do destino e o meio ambiente.

Nós abraçamos essa causa e você?

Por Lu Ferreira
@janaelutraveldesigners


Gostou? Então veja abaixo outras matérias escritas por Lu Ferreira pra o site Mundo Ela:

Encante-se por Manaus

Fortaleza – Terra do Sol!!!

Turismo de luxo – Você realmente sabe o que é?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Turismo
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments