Mundo Ela

Dica da nutri: Como a alimentação influencia no aparecimento da acne?

  • Avatar
  • por em 6 de abril de 2021
acne alimentação

Você já deve ter reparado que a sua pele tem fases de melhora ou piora dos sintomas da acne. Isso se deve a vários fatores, internos e externos, que interferem na formação dessas inflamações indesejáveis que ninguém quer ter por perto, ou melhor, no rosto!

Os fatores internos, ou seja, processos naturais do corpo que podem influenciar o surgimento da acne, são a predisposição genética e alterações hormonais comuns em adolescentes, dois a sete dias antes do período menstrual e em mulheres grávidas.

Dentre os fatores externos, ou seja, aqueles que podemos evitar para minimizar o aparecimento da acne, estão: suplementos e cosméticos com formulações e texturas oleosas; maquiagem quando não retirada da forma correta; lavar o rosto muitas vezes ao dia; tocar muito o rosto; suor excessivo; deixar o cabelo em contato com a pele; e, o que vamos entrar com mais detalhes, a alimentação!

Alimentação saudável como aliada

Isso mesmo, através da alimentação podemos proporcionar a melhora ou piora significativa do aparecimento da acne!

Isso acontece porque o consumo de determinados alimentos, principalmente os com maior teor de gordura e índice glicêmico elevado – que fazem com que o nível de açúcar no sangue aumente – podem influenciar na regulação hormonal, aumentar a produção de oleosidade da pele e aumentar os níveis de inflamação do corpo.

Não tem como fugir, o indicado é retirar do cardápio os nutrientes que agravam o quadro clínico. Uma alimentação rica em nutrientes e saudável no dia a dia é a base para um corpo equilibrado.

Através da adoção de hábitos saudáveis beneficiamos a pele combatendo os radicais livres que aceleram o envelhecimento cutâneo, ajudando na restauração da pele exposta à fatores ambientais e contribuindo para a produção e renovação de colágeno (responsável pela sustentação da pele).

Alimentos para incluir na rotina:

Peixes

Os peixes ricos em Ômega 3 (gordura encontrada em determinadas espécies) ajudam a combater a inflamação e consequentemente previnem o aparecimento de acne. Estes contêm muitos nutrientes e são mais benéficos à saúde, sendo auxiliadores na redução de doenças cardíacas, diminuindo o nível de colesterol ruim (LDL) no sangue e triglicerídeos. Tente encaixá-los na sua alimentação com o consumo de salmão, atum ou sardinha algumas vezes por semana. Se você não gosta de peixes e tem dificuldade em inclui-los na dieta, aposte nas nozes que também são uma ótima fonte de ômega 3.

Frutas e verduras de cor amarela e laranja

São ricas em substâncias que ajudam a manter a pele saudável. O betacaroteno encontrado em suas composições tem ação anti-inflamatória. Além disso, são ricas em vitaminas A e do complexo B, fósforo, cálcio e potássio que atuam como antioxidantes do corpo ajudando na recomposição celular e diminuindo a produção das glândulas sebáceas. São elas: pera, banana, melão amarelo, abóbora, cenoura, damasco, laranja, pêssego, entre outros.

Castanha-do-pará e amêndoas

Ótimas na hora de fazer um lanchinho no meio da tarde, as castanhas e amêndoas contêm zinco, um nutriente com grande potencial anti-inflamatório, dificultando o crescimento das bactérias na pele que agravam a acne.

Água

Fundamental para hidratação do corpo, a ingestão adequada de água ajuda a eliminar toxinas e impurezas presentes no organismo e impede que ocorra a produção desequilibrada de oleosidade. Além disso, o líquido deixa a pele mais viçosa e rejuvenescida, contribuindo para a formação e renovação de colágeno na pele, pois eles dependem de água para um bom funcionamento. A recomendação de ingestão de água é de 2 a 3 litros por dia, variando para cada indivíduo. A quantidade de água recomendada não deve ser diluída em outras bebidas.

Quem são os vilões da história?

Leites e derivados

Existem evidências de que um consumo maior de leite e seus derivados pode ser um fator desencadeante para o surgimento da acne. A hipótese atual é que os hormônios em produtos laticínios podem ser os culpados.

Acreditem se quiser, mas estudos demonstram que a gordura do leite não tem nada a ver com a doença de pele. O leite desnatado foi apontado como pior em relação à sua versão integral. Isso acontece pois no leite desnatado são adicionados produtos para que tenha a consistência do leite integral.

Experimente reduzir o consumo de leite, iogurte, queijo e cremes (sem nada muito extremo) e veja como a sua pele se comporta.

Atenção para os shakes de proteína do leite (whey protein)! Estes têm alta concentração de leite, fique longe deles se você sofre de espinhas.

Comidas gordurosas

As comidas mais gordurosas não têm relação direta com o aparecimento de espinhas. Porém, uma dieta rica em gorduras saturadas pode causar micro inflamações em todos os seus órgãos, incluindo a pele. Devemos evitá-los pois moderação é o segredo para cuidar da nossa saúde como um todo. São eles: frituras, carnes com alto teor de gordura, pele das aves, entre outros.

Doces, bolos, biscoitos e pães brancos

Alimentos com alto índice glicêmicos são os mais prejudiciais à aparência da pele. Ao ingerir em excesso esses alimentos, contribuirá para a elevação dos níveis de açúcares no sangue, atuando negativamente na inflamação das glândulas sebáceas.

Pode atrapalhar também o desempenho de tratamentos tópicos para a doença, como o uso de cremes e a realização de procedimentos.

Por Sara Morandi
@saramorandi

Sara Morandi é estudante do último período de Nutrição, apaixonada pelos benefícios que a alimentação equilibrada proporciona. Tem como propósito transformar a relação das pessoas com a comida, unindo o saudável ao prazeroso. Agrega os princípios da nutrição funcional e da nutrição comportamental, da medicina do estilo de vida e da medicina preventiva. Visa a transformação de hábitos e a conquista do bem-estar em todos os aspectos. Tem formação com certificação em Mindfulness, Emagrecimento e Saúde e Nutrição Plantbased e Vegetariana. nutricionistasaramorandi@gmail.com

Leia também:

Delineado de Gatinho, o queridinho de sempre e agora mais vivo do que nunca

Prefeitura de Belo Horizonte amplia vacinação

Mulheres ainda são minoria na bolsa de valores

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Últimas