Mundo Ela

Projeto Verão | A corrida para um corpo mais esbelto

Foto: Carol Semino

Estamos há poucos dias para a chegada do verão e a corrida para um corpo mais esbelto e harmônico começa a ficar ainda mais acelerada. Academias ganham movimento, as dietas milagrosas entram em cena e os procedimentos estéticos corporais a fim de eliminar as gordurinhas a mais também.

Mesmo sabendo que não existem milagres, entra ano e sai ano, muita gente acaba fazendo sempre a mesma coisa: correndo atrás do prejuízo de uma vida toda em poucos meses.

A equipe do Mundo Ela conversou sobre o tema com o biomédico, fisioterapeuta dermatofuncional e professor Thiago Martins, criador da técnica de harmonização corporal sobre o tema para saber se algo ainda pode ser feito e o que seria.

De acordo com ele, há um aumento no número de pacientes, principalmente em novembro e dezembro, buscando melhorar algo no corpo pensando na estação mais quente do ano.

“O número de pacientes aumenta em 70% nesse período. Mas é importante lembrar que os cuidados devem acontecer durante todo o ano. É uma preparação e não existem resultados rápidos”.

 De acordo com o biomédico, as reclamações são sempre referentes à gordura localizada na região abdominal, culote e as temidas celulites.

“No meu caso, há uma procura muito grande pelas enzimas e a maioria das pessoas já chega na clínica com uma ideia de tratamento na cabeça, mas nem sempre o que elas procuram é o tratamento correto. Cada caso deve ser olhado de forma individualizada. Nem sempre o protocolo de procedimentos usados para um, é o mesmo utilizado para o outro. Por isso é importante procurar um profissional qualificado, para que ele indique o que será mais assertivo”.

O tratamento com enzimas, segundo Thiago Martins, tem o objetivo de tratar a gordura localizada. Ele atua no processo de quebra de células adiposas, disponibilizando-as para que o corpo as utilize como fonte de energia até que isso resulte num metabolismo mais acelerado.

Apesar do curto tempo, ainda é possível fazer algo para conseguir algum resultado positivo no corpo para o verão. Mas, segundo o profissional, é necessária uma intensificação de protocolos associados.

“Por mais que intensifiquemos o protocolo, as sessões não podem ser realizadas todos os dias, pois o próprio organismo precisa de tempo para que o medicamento faça o efeito necessário.”

Mas, como não existe mágica, o professor aponta que, independente do tratamento escolhido, para um resultado satisfatório é fundamental que aconteça também uma melhora da rotina e dos hábitos.

“De nada adianta fazer meses de acompanhamento se a pessoa não realiza atividades físicas, porque única forma do corpo utilizar a gordura que está sendo quebrada e transformada em fonte de energia é através do exercício aeróbio. Da mesma forma com relação à alimentação. Estamos trabalhando para reduzir essas células. Se durante o processo, há uma ingestão descontrolada de alimentos, vamos contra o tratamento”.

Para os desavisados e desesperados, sim, ainda há o que ser feito! Porém, como o próprio Thiago pondera, os resultados vão depender do como você se cuida em todas as estações!

Por Rafaela Morandi
@rafaelamorandi

Gostou? Então veja abaixo outras matérias escritas por Rafaela Morandi pra o site Mundo Ela:

Ofertas de emprego | Mais de 200 vagas estão disponíveis no app Mulheres Positivas

Dor nas Costas, um problema cada vez maior entre os brasileiros

Somente metade das brasileiras usam algum método anticoncepcional

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Últimas
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments