Mundo Ela

Quarentar

Quarentar

Fotos: iStock

Quarentar é entrar para a casa dos “enta”. Não é entrar de quarentena, mas é ficar muito alerta com as mudanças que o tempo traz.

Quarentar é parar para pensar na primeira metade da vida. Nas conquistas e realizações, nas frustrações e desejos deixados para trás. É meio nostálgico, ao mesmo tempo, divertido, se tivermos a leveza de olhar para o que temos a agradecer. É quase tragicômico.

Quando estamos na adolescência e início da idade adulta, todos os nossos esforços são para nos estabelecermos como adultos independentes e felizes.

Quando quarentamos é o momento de confrontar esse sonho do início, com a realidade. É aí que ela chega: A temível “Crise de meia idade”.

Uns se entristecem, outros querem se manter jovens na aparência a todo custo, e outros passam a se comportar como novos adolescentes. “Aproveitar o que ainda não aproveitou”. Aff.

A crise da maturidade, às vezes, parece a crise da IMATURIDADE.

Aceitar que como o tempo passou para os nossos pais e avós, ele também está passando para nós, com naturalidade. Faz parte ser feliz em qualquer idade!

É o momento também de pensar em si próprio, como alguém que precisa de atenção e cuidados constantes agora. A força já não é a mesma e o corpo começa a dar sinais do “muito uso”, para não dizer do “mau uso”.

É a hora de projetar a próxima fase.

Cuidar da saúde, da família, que ainda está com você, mesmo sabendo que, em breve, seus filhos vão seguir o próprio caminho.

Melhorar na carreira, fazer novos treinamentos. Programar uma velhice tranquila, uma aposentadoria…

Quarentar é seguir em frente, para o que der e vier. É também o momento de rever a fé. Caminhar com Deus, na fase nova, se aproximar cada vez mais Dele. Pois, no final, restará apenas você e Ele. E na hora desse encontro com Deus, o melhor é que vocês já se conheçam, já sejam amigos de longa data.

Dra Fernanda Santos
@drafernanda.santos

Leia também:

BH reabre cadastro para vacinação contra a Covid-19

Você faria Turismo de Vacinação?

A leveza da maternidade real

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Últimas
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments