Mundo Ela

A sucessão no campo

Foto: Fabiola Sandy

A sucessão no Campo – As tradições que passam de geração em geração.

Geralmente os agricultores são filhos de pessoas que já possuíam terras e assim essas fazendas vão passando de pai para filhos.

Antigamente, o ofício da agricultura era o caminho para fortuna, mas hoje, muito longe disso, o agro é para pessoas que acreditam no negócio ou que herdaram essas propriedades.

Por um longo período, os pais, fazendeiros, incentivavam seus filhos a irem estudar na Capital com o intuito de tornarem-se doutores, Com isso, o tradicional conhecimento entre gerações foi se perdendo.

Foto: Fabiola Sandy

Vendo a importância da agricultura para o país e o mundo e algumas pessoas que decidiram ter uma vida no meio do mato, essa atividade voltou a ser procurada.

A forma de gerir foi aperfeiçoada e hoje é visível a importância de se ter os sucessores ao lado. Para que esses saibam exatamente o que fazer quando lhes faltar as pessoas mais preciosas.

Não é uma tarefa fácil. Demanda estudo, conhecimento e cada cantinho tem uma especificidade, que, às vezes, só quem conhece de perto sabe o que deve ser feito.

Além disso, o amor à propriedade também é passado dos pais aos filhos, o respeito à terra, às pessoas que vivem dela e que ali trabalham.

Assim a sucessão, além de amor e forma de trabalho, é uma maneira de humanizar a agricultura, espelhando-se em bons tratos dos antepassados com toda cadeia e trazendo para perto a juventude que cada dia mais se interessa pelo ambiente rural.

Foto: Fabiola Sandy

Por Fabíola Sandy
@fabiolasandy

Não deixe de conferir outros textos da Fabíola pra o Mundo Ela:

Miss Brasil Café

Drinks com café – descubra com fazer!

Programa Certifica Minas muda a vida dos cafeicultores

A sucessão no Campo

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
Últimas
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments